Bloco Filhos da Pauta une diversão e protesto

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Espírito Santo (Sindijornalistas) começou a semana fazendo a categoria cair na folia. No domingo, dia 27, os jornalistas se concentraram no Triângulo das Bermudas, na Praia do Canto, para participar do bloco carnavalesco Filhos da Pauta. Com uma mistura de diversão e protesto, o bloco contou com a participação da Banda Fãfarra, que tocou marchinhas cujas letras foram parodiadas, mostrando a insatisfação da categoria em relação a questões como a não obrigatoriedade do diploma, condições precárias de trabalho e a falta de liberdade de expressão.

Após sair do Triângulo das Bermudas, o bloco seguiu rumo à avenida Dante Michelini, depois retornou para o ponto de concentração, onde a banda continuou a tocar, fazendo a alegria dos jornalistas e de pessoas que não são da categoria, mas fizeram questão de participar. Ao todo mais de 500 pessoas acompanharam o Bloco. O jornalista Fernando Mendes, do Jornal A Tribuna, achou a iniciativa muito positiva. “Acho legal o resgate das marchinhas, músicas que resgatam a história do carnaval brasileiro. Também acho que houve entrosamento entre a categoria. Além disso, a segurança não deixou a desejar”, afirma.

Para a jornalista Flávia Zombrone, da assessoria de imprensa do Governo do Estado, o bloco deveria ser realizado todo ano. “Estou na expectativa de que, no ano que vem, eu possa participar novamente do bloco Filhos da Pauta. É uma iniciativa que deveria acontecer anualmente. Além de confraternizar a categoria, achei interessante fazer do carnaval não somente uma forma de se divertir, mas também de protestar”, diz.

Já o jornalista e diretor de Comunicação do Sindijornalistas, um dos organizadores dessa edição do bloco comenta que superou as expectativas. “Queríamos resgatar os bons carnavais, com tranqüilidade, segurança e alegria e conseguimos. Já estamos programando o de 2012 e pretendemos ajustar para que não coincida com o Carnaval de Vitória possibilitando que mais jornalistas participem”.

O Bloco Filhos da Pauta contou com o apoio da Mile4 Comunicação,  Algazarra e patrocínio da Blokos; Francisco Rocha; Épura;  Arte Assinada; Morar e Zephyr.