Chaparro realiza curso para professores de jornalismo em Cachoeiro

Nos dias 26 e 27 de novembro o professor da Universidade de São Paulo  (USP) Manuel Carlos Chaparro realiza curso sobre “Fundamentos do Jornalismo”, em Cachoeiro de Itapemirim (ES),   durante a 8ª Semana Acadêmica de Comunicação do Centro Universitário São Camilo.

O curso é dirigido a professores de jornalismo e abordará temas como o Jornalismo como Processo Social, o Poder e a Responsabilidade das Fontes e Gêneros e Espécies de Discursos. Com carga horária de 16 horas, as aulas serão ministradas de 8 às 12h e de 14 às 18h. Valor R$ 250,00 incluindo transporte e hotel. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (28) 3526.5940.

O professor Manuel Carlos Chaparro é doutor em Ciências da Comunicação e professor livre-docente (aposentado) de jornalismo na Escola de Comunicações e Artes, da Universidade de São Paulo  (USP), onde continua a orientar teses. Na área acadêmica dedicou-se ao estudo do discurso jornalístico em projetos de pesquisa sobre gêneros jornalísticos, teoria do acontecimento e ação das fontes. Chaparro tem quatro livros publicados sobre jornalismo e um livro-reportagem. Entre 1989 e 1991 foi presidente da  Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).  É jornalista desde 1957. Ao longo da carreira jornalística, por quatro vezes conquistou distinções no Prêmio Esso de Jornalismo, com trabalhos individuais.

Formação e Atualização de Professores de Jornalismo
Curso:
Fundamentos do Jornalismo
Data: 26 e 27 de novembro de 2008
Carga Horária: 16 horas
Horário: 8 às 12 horas e 14 às 18 horas
Valor: 250,00 (incluindo transporte e hotel).
 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

Primeiro dia – Razões e Linguagem
I. O Jornalismo como Processo Social
Razões e papéis do Jornalismo na construção do presente.
II. O Jornalismo como Espaço Público para o agir dos sujeitos sociais
Linguagem de relato e comentário do que os outros fazem e dizem.
III.  O poder e a responsabilidade das Fontes
O poder institucional de agir
 Estrutura, materialidade e atributos do Acontecimento.
IV. O Jornalismo como linguagem confiável
A Ética como fonte de escolhas e sentidos.
V. O Jornalismo como ambiente de conflitos e interações
O jornalismo como linguagem performativa.
VI. A questão essencial da clareza
A arte de criar e responder a expectativas – a força do “outro”.
Clareza de objetivos e intenções; Clareza das ações; Clareza das idéias; Clareza das relevâncias.

Segundo dia – Gêneros e Espécies do Discurso
I. O discurso jornalístico: conceitos e formas
Um discurso eficaz para as ações de narrar e comentar.
II. Esquemas organizadores do discurso jornalístico
(Narração e Argumentação)
III. Narração
a) Conceitos básicos da Narração
b) Espécies de Relato
Notícia / Reportagem / Entrevista
Tipologia e técnicas de Reportagem
Técnicas de Entrevista
IV. Argumentação
a) A estratégia argumentativa
b) Espécies de Comentário
O Artigo como matriz do texto argumentativo
V. Recomendações finais

Metodologia

Aulas expositivas dialogadas, com apoio de recursos visuais (data-show); debates estimulados; apresentação e discussão de exemplos; exercícios de aplicação.

Material Didático
Conteúdo resumido do curso, em Power-Point (o mesmo a ser utilizado na projeção em data-show). Um texto de apoio, sobre redação jornalística.