Curso promovido pelo sindicato é bem avaliado por jornalistas

O curso sobre “Gêneros, estilos e textos nos meios de informação”, oferecido pelo Sindijornalistas, obteve uma boa avaliação dos 30 jornalistas participantes. As aulas foram ministradas pela mestre em Línguística, Marcia Telesca Kerckhoff, e pela especialista em Linguística Aplicada, Maria Luiza de Barros Faria.

Voltado para jornalistas e assessores de imprensa, o conteúdo abrangeu tópicos como gêneros jornalísticos, pontuação, vícios de linguagem, escolhas linguísticas e revisão de aspectos gramaticais. Com carga horária de 24 horas, as aulas foram realizadas aos sábados, durante o mês de outubro. Cinco vagas foram destinadas a estudantes do oitavo período de jornalismo.

Para a assessora de Comunicação do Banestes, Dora Dalmasio, a revisão de fundamentos práticos e teóricos é sempre importante e as aulas foram bem conduzidas e bastante produtivas. “Esse foi um curso que valeu a pena fazer”, declarou. A boa avaliação é compartilhada pelas jornalistas Keila Corrêa e Jadna Duque, da TV Gazeta.

O assessor de imprensa e diretor de Formação do Sindijornalistas, Douglas Dantas, que também participou do curso, destacou a presença de antigos e novos jornalistas na turma. O nível do grupo – em sua maioria jornalistas atuantes em redações e assessorias de imprensa dos setores público e privado – também contribuiu, no sentido de atender às expectativas.
 
O encerramento do curso foi marcado por um bate-papo e almoço de confraternização entre os participantes, no Shopping Jardins, após o último dia de aula. “Foi uma ótima oportunidade de descontração e para troca de contatos e experiências entre os jornalistas. E a turma já começou a combinar outros momentos de confraternização para reunir a categoria”, revela Douglas.

Novas turmas

Devido a grande procura, o sindicato vai buscar patrocínio para a abertura de nova turma e continuação da primeira, com o módulo II. A definição dos cursos oferecidos pelo Sindicato é feita a partir das sugestões dos próprios jornalistas. Posteriormente, os conteúdos e a concepção de cada um deles são estabelecidos mediante consultas a professores e profissionais do mercado.
 
Segundo Douglas Dantas, os cursos oferecidos pelo Sindicato requerem um investimento de recurso financeiro significativo, o que demanda patrocínio, para subsidiar o valor para os jornalistas. “Isso porque buscamos sempre trazer profissionais com formação acadêmica e de referencia na área”, explica. Para o curso “Gêneros, estilos e textos nos meios de informação”, o Sindicato contou com o patrocínio da Samarco Mineração.