Democracia x mentiras

Andréa Margon

Democracia x mentiras estará em pauta na solenidade de posse da nova diretoria do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Espírito Santo (Sindijornalistases), dia 08 de dezembro de 2018, em Vitória. A Roda de Conversa, intitulada “A importância do jornalismo profissional na defesa da democracia em uma era de mentiras”, vai contar com o professor Arlindo Villaschi e o jornalista Fabiano Mazzini e será aberta ao público.

O professor Arlindo Villaschi adiantou que pretende abordar a “conjuntura a partir de uma perspectiva histórica, que contempla a construção do pacto da Nova República no pós regime militar e sua ruptura, a partir das eleições de 2014. A partir daí pautarei desafios para os comprometidos com a democracia, com a soberania nacional e com a inclusão social para o tecer de um novo pacto”.

A mordaça que envolve o jornalismo limita seu papel democrático. Concedendo uma prévia da sua participação na Roda de Conversa, Fabiano Mazzini fala que o descompasso entre jornalismo e democracia “implica na perda da sua referência. Portanto, a ausência dessa referência faz do jornalismo uma atividade sem alma, sem pulsação, sem o poder de agendar grandes temas para o debate público. E, como impacto maior, sem a capacidade de produzir efeitos sobre as instâncias de poder e sobre o cotidiano da sociedade”.

Agora é aguardar o dia 08 de dezembro de 2018 (sábado), às 18h30, no Convés – rua Sete de Setembro 269, Centro de Vitória (ES) – para conferir ao vivo essa Roda de Conversa, aberta ao público em geral. Confirme tua presença pelo (27) 99759-2699.

Arlindo Villaschi
Professor Titular de Economia / Ufes (aposentado); Doutorado na Inglaterra, Pós-doutorado na Finlândia e na Índia. Tema: inovação tecnológica e desenvolvimento; Artigos e livros sobre inovação tecnológica e sobre economia capixaba; Assessoria a movimentos sociais sobre economia e sociedade.

Fabiano Mazzini
Jornalista profissional, 53 anos, diplomado em 1987 pela Ufes; licenciado em História e Mestre em História pela mesma IES, na área de concentração História Social das Relações Políticas. Atualmente é professor titular do Curso de Jornalismo e do Curso de Comunicação Social, com habilitação em Publicidade e Propaganda, pelo Centro Universitário Faesa. Ministra as disciplinas Políticas de Comunicação, Legislação e Ética do Jornalismo e Jornalismo Especializado. Com pesquisa nas temáticas de mídia e política; direitos humanos e mídia; e mídia, ética e cidadania. Foi presidente, diretor e delegado sindical do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Espírito Santo, e diretor da Federação Nacional dos Jornalistas, durante os anos de 1990 e início dos anos 2000.