“O jornalista tem papel fundamental na sociedade”, diz Lucyano Ribeiro

Para Lucyano Ribero, coordenador de Finanças do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Espírito Santo (Sindijornalistas/ES), a ética e o comprometimento com a verdade são bases para o Jornalista profissional, que atua na produção, apuração e divulgação de notícias em diversos meios e plataformas. “Assim, a entrega de um conteúdo completo, diverso e adaptado à nova realidade global é das principais responsabilidades do Jornalista profissional de hoje em dia.”

 

Lucyano, que disputou uma vaga de vereador em Vitória pelo PT observa que só quem está legalmente habilitado a produzir notícia é o Jornalista profissional, não havendo, portanto, “notícias falsas”, ou “fake news”, como são popularmente conhecidas. “Para mim, o que existe, na verdade, são notícias fraudulentas, que geram desinformação e prejudicam a democracia e a liberdade.”

 

Ele destaca que é cada vez mais importante o papel do jornalista profissional, tanto na busca de respostas para as mais diversas dúvidas, quanto para informação e atualização verídica da pandemia da Covid-19, ou das eleições municipais, por exemplo.

Abaixo, Lucyano Ribeiro fala de sua atuação sindical, política e os motivos que o levaram a concorrer nas eleições municipais deste ano.

 

Para mim, o Jornalista Profissional tem um papel fundamental na democracia e na sociedade e deve estar sempre organizado e mobilizado para defesa, garantia e ampliação dos direitos da categoria e, conseqüentemente, da própria sociedade de um País, estado ou cidade. Por este motivo, participo da Diretoria do Sindijornalistas-ES e, entre nós e os colegas profissionais, discutimos muito sobre a necessidade da nossa efetiva participação na vida política, em todas as esferas da Federação.

 

Em Vitória, percebemos que desde a morte acidental do ex-diretor do Sindijornalistas-ES e Deputado Estadual pelo PT, Otaviano de Carvalho, em 1999, portanto, há 21 anos, num acidente da comitiva do Presidente Lula no estado, tivemos um ou dois Jornalistas Profissionais progressistas ocupando um mandato legislativo. Um ano depois da morte de Otaviano, fui candidato a Vice-Prefeito de Vitória na chapa de Iriny Lopes e já ouvia muitos colegas das redações e assessorias me incentivando a continuar na política.

 

Durante este período, me dediquei a Televisão Educativa do Estado e TV Brasil, me tornei Diretor de Finanças do Sindijornalistas-ES e filiado ao PT. Após muitos debates e reuniões, concluímos que era hora de encarar o desfio na Capital, em 2020, especialmente neste momento de muitos ataques e violências contra Jornalistas Profissionais, na atuação de suas atividades, e da pandemia de desinformação, “fake news”. Dar e ampliar as vozes dos Jornalistas Profissionais foi nosso principal objetivo e creio que atingimos com muita responsabilidade, humildade, ética e honra.