Sindijornalistas participa da segunda rodada da Campanha Salarial 2012

Em assembleia realizada no dia 27 de junho pelo Sindijornalistas, na sede da entidade, a categoria recusou a contraproposta feita pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão do Espírito Santo (Sertes) e o Sindicato das Empresas de Jornais, Periódicos, Revistas e Similares no Estado do Espírito Santo em relação à negociação salarial 2012. Por isso, a entidade que representa os trabalhadores se reuniu novamente com o patronato para a segunda rodada de negociação, na quinta-feira, 28 de junho.Na ocasião foi apresentada a indignação da categoria em relação ao índice de 6% de reajuste para salários e para aumento do piso propostos pelos Sertes e Sindijores. “Nessa segunda rodada conseguimos avançar em nossas reivindicações. O patronato aceitou aumentaro piso salarial em 8,2% e conceder uma reposição de 6.5%, o que significa um ganho real de cerca de 2%. Conseguimos a aprovação de fornecimento de alimentação (almoço, jantar ou lanche), após a sexta hora de trabalho, para todo jornalista que estiver fazendo sobrejornada e aceitaram também promover cursos de conduta e prevenção para coberturas de pautas de risco”, afirma o Secretaria de Formação Sindical e Estudos Socioeconômicos e Negociação Salarial, Júlio Paternostro, o Pater.O Sindijornalistas convocará uma segunda assembleia para discutir a contraproposta com a categoria, já que reivindicações importantes não foram aceitas pelo patronato, comotíquete alimentação e fornecimento de equipamentos de proteção e segurança em coberturas de risco.O Sindijornalistas considera de extrema importância a participação da categoria na assembleia para estudar a contraproposta e tomar as decisões necessárias para a mobilização dos trabalhadores em prol de seus direitos e da qualidade de vida.